Jantar

Todas as noites, ao jantar, temos o prazer de apresentar um prato tradicional do Senegal, famosos por serem deliciosos. Pela manhã, a nossa cozinheira vai aos mercados locais comprar os peixes e vegetais mais frescos. Um dos dias, vais poder experimentar uma bolonhesa a moda do Senegal.

A nossa cozinheira, Mame, tem como especialidade a sopa de peixe, fataya e um delicioso queijo de cabra. Por vezes, para sobremesa temos uns muffins de banana/chocolate ou passas/cenoura.

Dentro da comida típica senegalesa existem diversas escolhas vegetarianas. Caso sejas vegetariano, tenhas alguma alergia ou algum pedido especial, avisa-nos quando chegares.

 

 

Thiébou-dieun (rice and fish) - Senegalese plate


Thieboun-dieun (arroz e peixe)

O prato tradicional senegalês

O segredo deste prato está na maneira como é cozinhado. Feita em lume brando, a cozedura é feita num molho de tomate. A verdade é que não existe nenhuma receita fixa para thieboun-dieu... basta misturar os vegetais disponíveis, tais como, cenouras, abóbora e beringela. Por fim, cozinhamos o peixe e os vegetais em lume brando.


Também existe uma versão deste prato com carne chamada thiebou-yapp (arroz e carne).





Mafe

Mafe - West African plate

É um prato típico do Senegal, Mali, costa do marfim e Gâmbia. O sabor provém do ingrediente principal, a manteiga de amendoim. Juntamente com vegetais (cebolas, cenouras, beringela e batata doce) podemos adicionar todos os tipos de carne (ou até mesmo peixe). É servido com arroz e molho por cima.


Yassa

Outro prato tradicional são as bolas de peixe yassa. Semelhantes aos famosos croquetes, são feitas de peixe, sal, pimenta, alho, especiarias, e finalmente, pão ralado. Após a massa estar finalizada, as bolas de peixe são fritas em azeite. Para completar, são acompanhadas por arroz e um molho de tomate e cebola.

 

Carne vemicelle

Este é um prato de degustação. De forma a tornar a carne mais tenra, é primeiro cozinhada em água com alho. Esta mesma água é posta de parte para posteriormente ser utilizada na preparação do molho. Após ser pré-cozinhada, a carne é frita em cebola, mostarda, vinagre, especiarias, sal e pimenta. Para finalizar, junta-se o resultado ao preparo inicial, ficando em lume brande até atingir o ponto ideal. O vermicelle é cozinhado com um pouco de açúcar, vinagre e açafrão.

Thiou curry - West African plate

Thiou curry

Para este prato, podemos ter optar por vários tipos de carne que sirvam como acompanhamento, desde carneiro, à vaca ou até mesmo ao frango. Sendo frita a carne a parte com cebolas. Numa base de tomate, cozinhamos os vegetais, tal como thiebon-dieun, para intensificar os sabores. Alface, batata-doce, cenouras, pimentos, pimento amarelo enchem este prato de cor. No final o resultado é delicioso tanto ao paladar como a vista. Servido com arroz.

Guinea broche (molho da folha da batata-doce)

Estas folhas são cozinhadas em diversas partes de África. O modo mais tradicional de preparação é de as cozinhar juntamente com os espinafres. Os principais ingredientes são: folhas de tapioca, quiabo, tomates, cebola, peixe, óleo, sal e pimenta. Este molho serve se por cima do arroz.

Couscous

Provavelmente o prato africano mais conhecido. Para acompanhar pode se juntar vários tipos de carne, carneiro, frango, vaca. Tal como as outras refeições, o couscous é preparada com os mais diversos vegetais, batatas, cenouras, beringela, curgete etc. O que lhe confere o sabor vai ser a mistura de especiarias, como por exemplo o raz-el-hamout e a paprica.